I see your true colors

Retirado do Blog do Orlandeli (vale a pena visitar)

Quantas vezes, em nome do amor, você não acaba tirando as cores tão vivas e livres de alguém?

Quantas vezes, em nome de algo que você acredita ser amor, você não se deixa aprisionar, percebendo aos poucos que está ficando cinza, desbotado… morto?

Que tipo de crença te leva a aprisionar alguém?

Vale a pena?

Anúncios