Glossário

Aqui você encontrará definições de alguns  conceitos relacionados a Psicologia e a Terapia Cognitiva. Nos comentários abaixo o leitor poderá sugerir termos que gostaria que fossem aqui incluídos.

Cognição: termo de díficil definição unívoca entre os autores. Refere-se às capacidades mentais e intelectuais do sistema nervoso central. Muitas vezes é usada como sinônimo de mente, aprendizado e inteligência. Para fins didáticos, podemos pensar em “cognição” como um substituto moderno da palavra mente (outra palavra de difícil conceituação).

Crenças: crenças são proposições individuais, carregadas de valor de verdade para o próprio sujeito (ele acredita nas próprias crenças). Essas proposições são generalistas, globalizadas, relativamente rígidas e construídas desde a primeira infância.

Esquemas: são estruturas cognitivas que atribuem significado aos estímulos sensoriais (internos e externos) de forma automática e inconsciente. O esquema é a estrutura, a crença é o conteúdo semântico dessa estrutura (é o esquema colocado em palavras).

Flexibilidade cognitiva: habilidade de gerar pensamentos alternativos àqueles primeiros pensamentos automáticos que surgem diante de uma situação.

Modelo cognitivo: forma e sistematizada de compreender/explicar nossos comportamentos. Resumidamente: parte do princípio de que não reagimos ao que acontece conosco, mas sim aos nossos pensamentos que surgem nas mais diferentes situações. Esses pensamentos, por sua vez, determinam nossas emoções, que influenciam nossos comportamentos. Logo: Situação –> pensamentos –> emoção –> comportamento.

Pensamento Automático: todo e qualquer pensamento que surge diante das situações do nosso cotidiano. É um fluxo de pensamento constante, automático, pré-consciente. Esse fluxo de pensamentos está o tempo todo ativo em nossa mente, mas apenas alguns nos são conscientes, geralmente aqueles que tem maior valor de sobrevivência ou cunho emocional significativo.

Reestruturação cognitiva: termo que designa as mudanças de crenças e esquemas do paciente. É uma mudança mais estrutural e garante benefícios a longo prazo.

3 comentários sobre “Glossário

  1. Vitor disse:

    ola
    sou estudante,tho 15 anos.
    tho ha 3 mss,uma relacao com um homem. mha familia naum sabe.
    queria q a psicologa falasse sobre homossexualidade na adolescencia.
    fico no aguardo.

    • Farei algo melhor: consultei uma especialista na área de sexualidade para escrever um post comigo específico sobre o assunto. Ainda esse mês você terá seu pedido atendido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s