TPM – como sobreviver a tempestade!

O quadrinho acima geralmente causa risos de identificação em mulheres, e suspiros angustiados de enamorados, maridos, pais, irmãos, etc…  Não é fácil lidar em períodos de confusão hormonal, e todos acabam passando, conectados, por esse período.

Como mulher, também ri com a tirinha que tão bem expressou nossa flutuação de humor mensal. Mas também me fez refletir alguns aspectos importantes..

Porque será que quando mais precisamos de ajuda, de um colo, de uma mão estendida, nos fechamos? (“nem vem”)

O que nos dá o direito de lançar raios e trovões naqueles que mais amamos? Nos nossos amigos? Familiares?

Sofremos de uma série de vulnerabilidades fisiológicas… fome, sono, dor, TPM, mal estar, ressaca, etc.. Estados fisiológicos desagradáveis geralmente nos deixam mais vulneráveis a pensamentos distorcidos, negativos, que manterão nosso humor disfórico.

E muitas vezes a agressão não é apenas ao outro, é a si próprio. Você se sente péssimo, sua auto-estima é afetada, sentimentos de culpa e auto-punição são comuns, principalmente em TPM’s onde as mulheres ficam mais deprimidas.

O que fazer?

Na maioria das vezes não é possível reverter ou evitar essas alterações fisiológicas. Mas o autoconhecimento ajuda. Se você sabe que quando está na TPM fica mais agressiva, concentre-se nessa semana à práticas que te dão prazer, que te relaxem. Quando você se irritar com algo, lembre-se que você está na TPM e que provavelmente está exagerando na interpretação dos fatos.

Você fica deprimida nesse período? Acha que tudo vai dar errado e seu autoconceito é negativo? Stop! Lembre-se que quando você não está na TPM você geralmente não pensa dessa forma. Faça um exercício: não tome decisões nesse período. Espere uma semana e veja o que aconteça.

Autocontrole vem do autoconhecimento. Conheça suas potencialidades e suas fraquezas, e lide com elas da melhor forma possível.

Outra dica interessante é a importância da comunicação: avise as pessoas ao seu redor, mais íntimas, dos seus estados fragilizados. Quem sabe elas também não poderão ajudar e te acolher nesse momento. Estenda sua mão, e aceite de bom grado o “chocolate” que lhe oferecem. 😉

Anúncios

4 comentários sobre “TPM – como sobreviver a tempestade!

  1. KAKAL disse:

    pra mim nem o chocolate adianta viu, quando estou na TPM sinto vontade de sumir só assim para não magoar que estiver ao meu lado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s